Garçom Maltrapilho

set 13, 2010 by

Sou um garçom. E sou um mendigo. Ponto final. Descobri esta vocação dias atrás. E quer saber? Tô quase largando minha filha passando fome. Sério mesmo. Deixe me defender no júri popular dos leitores: nunca me senti tão humilhado quanto na hora de dar comida pra ela. A mãe decidiu que “precisava me envolver mais”, e inventou de me promover a “domador alimentar” neste refeitório de maluco.

read more

Xícara de Chá

set 11, 2010 by

Um dia minha mãe saiu e deixou meu pai tomando conta de mim...

read more

A Filha do Pastor

set 10, 2010 by

Uma história ao emocionante estilo Filho Pródigo dos tempos modernos - ou melhor, Filha Pródiga.

read more

Madame Esfolada

set 8, 2010 by

Acabo de contar: nos últimos nove minutos minha filha caiu exatamente cinco vezes! Seu corpo biônico exibiu as mais incríveis manobras antes de “se estabacar tontamente” no chão. Ela cai com a rapidez que se levanta, e beija o piso como fiel amante do rodapé. Inexplicável! Temos um trato lá em casa: toda vez que ela se estrebucha no chão fazemos festa como se fosse um salto mortal.

read more

Morri.

set 2, 2010 by

Acabei de morrer com o coração batendo. Achei que tinha experimentado sentimentos fortes, mas nada se comparou a isto. Se o “tempo é relativo”, quando vemos quem amamos sofrer, a espera é absoluta: implacavelmente eterna. Ao concordar em ser cúmplice deste ato cruel, jamais pensei que viveria o inesquecível. E se “homem não chora”, continuo homem, mas chorei dissolvendo o que de chumbo havia em mim.

read more